União homoafetiva fere Constituição brasileira. De acordo com o Ives Gandra, as decisões tomadas pelo Supremo Tribunal Federal feriram e alteraram a Constituição brasileira, pois deveriam ser avaliadas pelo Congresso Nacional e pela população, através de plebiscito. RÁDIO NOVO TEMPO

União homoafetiva fere Constituição brasileira, afirma jurista

Download do arquivo mp3
Voltar